terça-feira, 14 de agosto de 2007

Press Release

"Menina morre electrocutada em carrinho de choque." E ainda querem convencer-me a optar pelos carros eléctricos em vez de gasolina ou diesel?... Mas que pai é que permite que uma filha de 6 anos acompanhada por uma rapariga de 9, conduza e ainda por cima carrinhos de choque onde a idade mínima é de 12 anos? E quem vendeu as fichas e permitiu a sua entrada já viu a licença de exploração retirada?...

3 comentários:

Márcio Branco disse...

Mal ouvi a noticia, a mesma "cheirou-me" logo mal. Primeiro o vereador da camara em causa a afirmar categoricamente que tudo tinha sido verificado e que o responsável pelo divertimento estava segurado e tudo em conforme com a lei. Depois fontes proximas do responsavel do divertimento "dizem" que forma os pais a darem as fichas às crinças. Eu estava a jantar e disse "Épá (não é o gelado!!) isto vai dar que falar e o caso não fica assim. Amanha já ninguém fala com medo de ser acusado".
E dito e feito, no dia seguinte a noticia chocou as autoridades e toca a investigar :-) O vereador da camara já não fala e diz que não tem competencia para fazer uma analise exaustiva do divertimento, só lhe compete receber o dinheiro da licença e passar a autorização (isto digo eu!!). Os pais perguntam-se como é possivel deixarem duas crianças andarem num divertimento onde os adultos queixavam de sentirem pequenos choques. Pois realmente os pais devem mesmo fazer esta pergunta, porque a culpa da filha deles morrer é de algum irresponsvael que deveria estar a tomar conta da criança e pelos vistos não, o que interessa é saber se o divertimento dava choque aos adultos!!!
O responsavel pelo divertimento nem fala e vai safar-se porque não existe de facto fiscalização, o governo devia ter criado um equipa para isso à 4 anos atrás, mas ainda passou pouco tempo e ainda não morreu gente suficiente para que essa equipa seja criada e assim andamos nós.
Aos empurrões e aos choques :-) Mas vivam as festas populares :-)

Tchivinguiro: onde nasci. disse...

Têm razão de ser as tuas interrogações.

Infelizmente não podemos repôr a vida desta menina que estava descalça e morreu numa pista de carrinhos de choque...

Uma tragédia.


Beijinho.

Sei que existes disse...

Concordo totalmente contigo!
Beijinhos