quinta-feira, 1 de maio de 2008

No festival da Paz...

... o "rapper" 50 Cent ficou sem algumas jóias durante em Luanda. Enquanto actuava, um espectador atravessou a (in)segurança, saltou para o palco e arrancou-lhe o fio do pescoço, desaparecendo de seguida na multidão. Este senhor que ganha dinheiro à custa da suposta descrição das suas façanhas de marginal em "part-time", só pode estar feliz. Vê legitimada as suas histórias e arranja mais material para novas letras.
A partir de agora poderá dizer "G, I'm a bad nigger, i even was robbed in Angola, i'm a bad nigger, i went in a bad zone and survived to tell you the story" e ganhar mais alguns milhões! Luanda um novo filão a explorar. Bagdad já não impressiona ninguém!
Por outro lado pode aproveitar e mudar de nome: "No cent" ficaria muito bem!

3 comentários:

xana disse...

pior é quem o vai ouvir...não ha paciência... are you talking to me? ió

Anônimo disse...

da próxima não insulta a pobreza material com a mesma facilidade. tá visto que da espiritual, só ele é que sofre!

RockyBalbino disse...

É o estilo de vida que ele promove a apanhá-lo no refluxo. Eu até gosto de rap e hip-hop, mas há gajos como este 50 cent que glorificam o crime perante os jovens confusos e impressionáveis. Agora só falta o Marylin Manson levar com um um clister de mostarda como parte de um "ritual satânico"!