sexta-feira, 23 de maio de 2008

Ausências

Desde o início do ano que os 230 deputados do Parlamento deram 1039 faltas, em média 4,5 faltas por cada um e a sessão legislativa só termina a 18 de Julho...

Dos dez mais faltosos, o campeão apresenta 27 ausências e o último da lista, 15. Sete deles fizeram-no por motivos de doença e/ou trabalho político.
Ainda estou para perceber que razão exclui os Srs. deputados de apresentarem , tal como em muitas profissões, Certificado de Robustez Física e Mental, uma folha A4 que nos tribunais custa em média 3€...

Das duas, uma: anda muita gente doente na política ou a política deixa muita gente doente! Eu que não ando na política tenho sentido e vivido cada choque! Imagino quem por lá anda!

Um comentário:

xana disse...

se esses gaijos estivessem abrangidos pelo codigo de trabalho, perdiam logo a majoração das férias, por um lado. Por outro lado, fazendo bem as contas às ausências, não se livravam de um processo disciplinar por faltas e, já agora, por violação de outros deveres a que estão obrigados, mas que rapidamente esquecem...